UMAPAZ | Programa Carta da Terra em Ação

Fórum da Formação de Agentes Socioambientais Urbanos, promovido pela UMAPAZ, para compartilhar ideias, opiniões e iniciativas.


Você não está conectado. Conecte-se ou registre-se

UMAPAZ | Programa Carta da Terra em Ação » Dialogando com os temas » Dialogando com os temas » Os Nacirema

Os Nacirema

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo  Mensagem [Página 1 de 1]

1 Os Nacirema em Seg Jun 09, 2014 3:38 pm

vocês conhecem este texto?
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
é um clássico da antropologia. Minha sugestão é que leiam e comentem, para trocarmos, o "estranhamento" que possam ter sentido e como viveriam nessa sociedade.
Que tal ele como ferramenta do agente socioambiental?

Ver perfil do usuário

2 Os Nacirema em Seg Jun 16, 2014 11:56 am

É simplesmente assustadora a forma como vivem os nacirema. Explicar tal comportamento deve exigir profundos conhecimentos sociológicos e antropológicos, pois na minha "leiguice", eu só posso pensar que são pessoas distantes da consciência trazida pela civilização humana, ainda que eu saiba que todo processo evolutivo passa por fases de difícil compreensão (prá mim, claro!).

Quem for ver a exposição dos Maias na Oca - Ibirapuera, poderá constatar como ele eram ritualísticos e, aparentemente, sanguinários nos rituais.

Tiberio

Ver perfil do usuário

3 Re: Os Nacirema em Seg Jun 16, 2014 3:30 pm

caros carteiros,

A intenção maior em mostrar o texto dos Nacirema é porque esse texto é um clássico da Antropologia e estudado desde sua primeira publicação.
Muito mais que mostrar os rituais de uma etnia com costumes bastante específicos, a idéia principal é refletir e discutir sobre o etnocentrismo,presente em todas as culturas.
O estranhamento com o diferente, a aversão a seus costumes, muitas vezes é a primeira reação que sentimos, no entanto, o texto tem uma "pegadinha" famosa: nacirema é american ( americanos em inglês ) e aí que depois do choque cultural, poderemos refletir sobre nossos próprios costumes e ver o quanto nossas certezas são também arbitrárias.

Ver perfil do usuário

4 Re: Os Nacirema em Seg Jun 16, 2014 3:52 pm

Ô André!!!
Você poderia explicar um pouco melhor, pois fiquei sem entender se o estranhamento de uma cultura com sinais comportamentais "muito estranhos", (mesmo sabendo que texto traz metáforas), ocorre por aversão preconceituosa ou se são mesmo esquisitos determinados comportamentos em grupos humanos que vivem muito distantes do que se pode chamar de civilizado.

Ver perfil do usuário

5 Re: Os Nacirema em Seg Jun 16, 2014 4:23 pm

Civilizados todos os povos se consideram. E entre civilizações, existem comportamentos distintos que a convivência pode fazer compreender e respeitar. Existe sim o choque cultural, porque não entendemos a princípio, as regras, os códigos de conduta do "outro". O preconceito, quando surge, pré julga um comportamento sem conhecimento do real significado para aqueles que o vivem. Preconceito afasta, a convivência e o respeito, a priori, aproximam as pessoas, mostrando que as diferenças, muito mais que distanciar as pessoas, mostram a imensa riqueza de experiências que o ser humano cria e vive, sem necessariamente uma forma de sociabilidade ser superior a outra. Pode ser mais complexa, mais rica materialmente mas não necessariamente mais feliz, mais sensível às reais necessidades humanas.

Ver perfil do usuário

6 Re: Os Nacirema em Seg Jun 16, 2014 6:23 pm

Tá certo!!!
Obrigado.

Ver perfil do usuário

7 Re: Os Nacirema em Qui Jun 19, 2014 7:33 pm

Ao ler o texto fui "conduzida" aos rituais mágicos e sagrados a que me submeti ou me submeto: depilações, tatuagens, piercing, 10 dias em silêncio meditativo (isso inclui uma postura física um tanto dolorosa no inicio), acupuntura, moxabustão, esfoliação etc.
Fui tentando buscar certa empatia com esse povo e percebi que o texto, mais do que fazer uma descrição, tenta nos conduzir a fazer um julgamento ruim sobre tais rituais.
imagino alguém no futuro descrevendo nossa sociedade: trabalho exaustivo, poucas horas de sono, andam espremidos (quando não se empurram) em meios de transportes, fazem "rituais" de morte quando estão num lugar onde 20 homens correm exaustivamente atrás de uma bola, mulheres andam se equilibrando em finos tocos presos aos pés etc.
Tudo e todos podem ser maravilhosamente esquisitos, detestavelmente repudiados, curiosamente diferentes. Pontos de vista!

Ver perfil do usuário

8 Re: Os Nacirema em Qui Jun 19, 2014 7:34 pm

Ao ler o texto fui "conduzida" aos rituais mágicos e sagrados a que me submeti ou me submeto: depilações, tatuagens, piercing, 10 dias em silêncio meditativo (isso inclui uma postura física um tanto dolorosa no inicio), acupuntura, moxabustão, esfoliação etc.
Fui tentando buscar certa empatia com esse povo e percebi que o texto, mais do que fazer uma descrição, tenta nos conduzir a fazer um julgamento ruim sobre tais rituais.
imagino alguém no futuro descrevendo nossa sociedade: trabalho exaustivo, poucas horas de sono, andam espremidos (quando não se empurram) em meios de transportes, fazem "rituais" de morte quando estão num lugar onde 20 homens correm exaustivamente atrás de uma bola, mulheres andam se equilibrando em finos tocos presos aos pés etc.
Tudo e todos podem ser maravilhosamente esquisitos, detestavelmente repudiados, curiosamente diferentes. Pontos de vista!

Ver perfil do usuário

9 Re: Os Nacirema em Sex Jun 20, 2014 10:08 am

Olá Andre e colegas

É difícil falar de coisas que a gente não entende, mas como aprendemos na medida em que nos dispomos a ouvir o outro, e refletimos "fico cá a pensar".... Rolling Eyes 

O André falou que todos se consideram civilizados e que tendemos a criticar uma cultura diferente da nossa (as palavras são minhas). Posso imaginar a extensão destes conceitos, mas me angustia saber que seres humanos mutilam-se por conta de regras morais ou culturais, como o caso das mulheres africanas ou os extremistas religiosos, capazes de fazer coisas tão violentas entre e com seres humanos que "até deus duvida".  Evil or Very Mad 

Ainda existem comunidades detentoras de comportamentos "culturais" que, por mais que eu queira ser respeitoso com o direito do outro, eu não consigo deixar de criticar. 

Que análise posso fazer sobre esses comportamentos sem considerá-los pouco civilizados?

Sigamos pensando, né?

Ver perfil do usuário

Conteúdo patrocinado


Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo  Mensagem [Página 1 de 1]

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum